Como convencer o idoso a fazer suas atividades

Convencer um idoso a executar tarefas como: tomar os medicamentos, ir ao médico,tomar banho, fazer higiene oral, se alimentar  ou até mesmo fazer algum tipo de exercício pode ser uma tarefa difícil.

Como lidar com um  idoso da maneira certa para convencê-lo a fazer suas atividades da rotina?

A maioria das pessoas não gosta que lhes sejam dito o que devem fazer ou como se devem comportar perante uma determinada situação.

No caso de um idoso é ainda pior porque, geralmente, uma pessoa idosa  coloca barreiras ao que é pedido e recusa toda e qualquer opinião que vá contra a sua vontade.

Para nos ajudar, conversamos com a enfermeira do Espaço Convivência, Asa Sul, Aniele Ferreira Souto.  Ela nos deu dicas valiosas que utiliza no seu dia-a-dia de trabalho.

Convencer um idoso a executar tarefas como: tomar os medicamentos, ir ao médico,tomar banho, fazer higiene oral, se alimentar  ou até mesmo fazer algum tipo de exercício pode ser uma tarefa difícil.

Pior ainda é quando  um filho que está cuidando do seu pai, porque os laços familiares fazem com que a resistência seja maior.

Um idoso coloca maiores dificuldades  à aceitação de ordens e recomendações de um filho, porque foram eles que estiveram sempre no comando e na tomada de decisões e não querem perder a sua independência.

O filho quer apenas o melhor para o seu pai, só que essa inversão de papéis pode conduzir ao conflito entre pais e filhos, que é só é resolvido através da compreensão e do diálogo.

Independentemente de ser um filho, ou um profissional que está a cuidar de um idoso, são exigidas responsabilidades e cuidados.

Os cuidados a ter com um idoso são enormes e os perigos podem ser grandes: pode um idoso morrer porque não tomou os medicamentos corretos, ou pode cair no banheiro por não aceitar ajuda.

São muitas dúvidas e medos que podem ser evitados de acordo com a sua tomada de posição.

Vamos trabalhar com duas hipóteses. São exemplos de como lidar com algumas situações:

1º Situação:  

O idoso que, como pai de família sempre ficou no comando, dificilmente permitirá  ser comandado. E o que fazer?

O idoso tem que ser abordado de uma forma que ele sinta continuar  no comando.

Por exemplo:

-Sr. José vamos tomar banho?

-Não.

-Então que horas que o Sr. quer ir, agora são 15h20min pode ser às 16 horas? Mas o Sr que escolhe. Ok?

-Pode

Às 16 horas você aborda novamente e diz:

-Sr. José agora são 16 horas, vamos tomar um banho, o Sr pediu para que fosse esse horário o seu banho.

Desta forma você terá muita chance para que ele aceite o banho por ele se sentir que ele que determinou o horário e você respeitou.

2ª Situação:

A  idosa que durante toda vida administrou sua vida  financeira, agora ela vai fica perdida caso sinta que tenha alguém administrando suas finanças.

O que fazer?

Sempre deixe com a  idosa  algum valor financeiro baixo ou um  cartão bancário bloqueado, bolsa e algum documento, para que ela sinta que ainda no controle  da suas finanças.

Não podemos tratar o idoso como uma criança. Sempre há uma história de vida que deve ser respeitada. A resistência é normal por quem sempre teve as rédeas da própria vida. Tenha paciência, calma e carinho, porque um dia estaremos ocupando este lugar.

Related Posts

Leave a comment